https://www.ciudadredonda.org/admin/upload/Image/67140af8d5d0f1deaacf3a37deb32633.jpg

Toda experiência de EE. nos surpreende de alguma maneira e é nova, seja devido ao modo como nos encontramos, ao momento vital que atravessamos, à pessoa do acompanhante e, sobretudo, devido àquela(s) palavra(s) que o Espírito Santo de Deus coloca em nossos corações de uma maneira especial e realmente nova. É como se o escutássemos pela primeira vez. “Nosso Deus é o mesmo ontem e hoje. Aleluia, aleluia”.

Muitas delas chegaram a mim com outro tom, com novo sabor e peso. Querendo partilhar fraternalmente algo de minha experiência, não sabia qual escolher entre todas... Detenho-me nesta pequena parte do salmo 92, dentro da contemplação da primeira semana em que, humildemente, olhamos nossa realidade de pecado à luz do Amor Fiel e Misericordioso de Deus tão evidente em alguns personagens bíblicos… e em nossas vidas, também.

O único que podemos reconhecer desde o fundo do coração é que nosso Deus é um Deus de profunda ternura e misericórdia para com todos os seus filhos e filhas. Sim, para com todos, sem exceção… Nosso Deus é “Deus dos casos perdidos”. Veio para trazer a vida e vida em abundância para todos, e especialmente para as ovelhas perdidas. Apesar de todas as nossas ações desamorosas, e não são poucas, de tanto tempo e paciência que nos dedica, e inclusive de alguma boa repreensão feita com o carinho que nos tem… sempre, sempre está disposto a reencontrar-nos, a dar-nos novamente sua mão amorosa para que voltemos ao caminho de seu Amor, de modo que não queiramos afastar-nos dele, pois Ele é a fonte da verdadeira paz, felicidade, amor, esperança, fraternidade, sentido de vida...  De sua parte nada, absolutamente nada nos separará do Amor de Cristo…, a não ser que eu permita. Nada, absolutamente nada o afastará de nós. “É o Deus fiel”. Reconhecê-lo é graça.

Nessa curta frase do salmo temos um programa de vida para os que amamos a Deus. Reconhecer contínua e humildemente sua misericórdia, sua infinita ternura para conosco em cada etapa da vida, em todo momento e circunstância, também ali onde em certas ocasiões nos sentimos perdidos e confusos... E anunciar seu Nome a toda pessoa com quem nos encontrarmos nos caminhos de nossas vidas... E, no entardecer de cada etapa, de cada ciclo, de cada dia cantar sua fidelidade. Ao atravessar “noites escuras”, que não faltam na existência humana, cantar sua fidelidade que sempre fortalece nossa fé, Amor e esperança.

Foi realmente uma bela semana de Advento, de preparar nosso coração para esta nova vinda do Senhor. Reconhecer uma vez mais, neste tempo, o SIM DE DEUS, DE JESUS, DE MARIA, O DE CÂNDIDA MARIA DE JESUS, O DE CADA FILHA DE JESUS. O DE CADA PESSOA que em sua passagem pela vida nos dá testemunho da presença de Deus em sua existência. Sentimo-nos unidas pelo amor e graça da mesma vocação, e em preparação imediata para a Congregação Provincial de América Andina 2018-2019.                                              

 

 Tere Ramírez F.I.

0
0
0
s2sdefault