“Em resposta ao apelo do Superior Geral para transmitir e promover a mensagem do Santo Padre sobre o Pacto Global para a Educação, a Província Indico-Pacífico realizará um Fórum sobre o Pacto Global para a Educação”. Escrevo na íntegra o convite feito pela Superiora Provincial para participar do ato.

Ele o abordou como “um grande acontecimento que irá reforçar a celebração do 150º aniversário da fundação das Filhas de Jesus. Participarão as diversas escolas da Congregação nas Filipinas. Também estenderemos o convite aos nossos parceiros e amigos leigos no Japão. Esse fórum virtual é chamado de Conversas sobre o Pacto Global pela Educação”.

O evento foi realizado no dia 11 de dezembro, entre 14h e 16h20, em Manila (das 7h às 9h em Roma). Este tem sido o programa:

- Oração de abertura - sra. Florilou Pantallano
- Palavras de boas-vindas - Hna. Teresa Pinto, FI
- Apresentação do evento: Dra. Rodilla Tumanda, Ed.D. (Facilitador do evento)
- Papa Francisco lança vídeo sobre o Global Compact on Education
- Apresentação dos Palestrantes - Sra. Rosalie Idulsa
- Intervenção dos Palestrantes em torno dos 8 Compromissos do Pacto (de 7 a 10 minutos):

* Sobre o valor e a dignidade das pessoas humanas como centro educacional (nº 1) e o compromisso de investir as melhores energias para a educação criativa e transformadora (nº 8). Sr. César Solas (Diretor, Escola Manresa)
* Sobre a escuta das vozes das crianças e dos jovens para construir juntos um futuro de justiça, paz e vida digna (nº 2) e sobre a família como primeiro e essencial lugar de educação (nº 4). Dr. Jett Lu, M.D. (Pai da Academia Stella Maris de Davao)
* Sobre a promoção da plena participação de meninas e mulheres jovens na educação (nº 3). Sra. Anezka Tan (Aluna da Escola do Sagrado Coração - Hijas de Jesús)
* Sobre a educação para a necessidade de aceitação e abertura aos mais vulneráveis ​​e marginalizados (n ° 5). Sra. Rhodora Edullantes (Diretora Adjunta, Stella Maris de Davao Academy)
* Sobre o empenho na educação ao serviço da pessoa e da família humana (n ° 6), e na proteção e cultivo da nossa casa comum (n ° 7). Sra. Edna Giner (Diretora, Escola das Filhas de Jesus)

Entre uma intervenção e outra, decorreram cerca de dois minutos de silêncio que favoreceram a reflexão pessoal e a contribuição e troca no chat.

Conforme o planejado, a Superiora Geral, Graciela Francovig, ofereceu sua impressão sobre o que ouviu e uma palavra de encorajamento a todos. Antes da oração final, da Sra. Ellen Balicoco, recebemos o agradecimento da Superiora Provincial, Emelinda C. Falsis.

Resta acrescentar a esta apresentação um simples reconhecimento: a audácia da Emelinda e o esforço de toda a equipa para lançar uma actividade semelhante, para a qual contribuíram com seriedade e grande profundidade.

Valeria a pena retomar todas as apresentações, pelo menos publicaremos em outro momento as palavras de retorno da Superiora Geral, Graciela Francovig. Não há dúvida de que Indico-Pacífico abriu uma reflexão que fará bem, como Igreja, à missão desempenhada pela Congregação em suas escolas ao redor do mundo.

0
0
0
s2sdefault