Esta segunda-feira, 12 de setembro, foi um dia muito especial para a comunidade da Cúria Geral em Roma. Como a Superiora Geral havia anunciado em sua circular no. 25, a mudança do Secretário Geral ocorreu.

Desde cedo, o ambiente era festivo, uma mistura de alegria e saudade. A capela lindamente decorada refletia a emoção do momento. Na Eucaristia, Gloria Albiac substituiu Ana Baeza neste serviço tão necessário para o bom funcionamento do Governo.

Gratidão, disponibilidade e ajuda são as três palavras que se destacam neste dia.

Gratidão em Ana e Glória; gratidão do Superior Geral a cada um, mas também gratidão expressa por toda a comunidade. As razões variaram de acordo com o orador, mas os sentimentos foram unânimes.

A disponibilidade, tanto nossa, não é uma disponibilidade cega, é sentida, gratuita e responsável, e é a aceitação do envio quando ele é recebido. É também uma vontade permanente. Esta virtude estava muito fortemente presente. Tanto Ana como Gloria tinham, aos olhos de todos, circunstâncias familiares para objetar. Mas ambos aceitaram esta graça de estar disponíveis e a colocaram a serviço, juntamente com os outros presentes que completam seu perfil para este trabalho.

Finalmente, isso ajuda. A Secretária é chamada a ser uma "ajuda" para a Superiora Geral, como sua "memória e mãos". A gratidão por ter sido assim manifestada, assim como o pedido do Espírito de que Glória pudesse ser assim. Afinal, somos todos chamados a "ajudar": uns aos outros, a outras pessoas, que trataremos como "filhos" e "filhas".

Quando vivemos desta maneira os relés ou mudanças, que são normais porque a mudança faz parte da vida, expressamos a vivacidade e a alegria de nossa vocação.

 

A comunidade da Cúria

0
0
0
s2sdefault