loader image

Carta número 37 do Superior Geral

junho 10, 2024

Graciela Francovig, Superiora Geral , em sua 37ª carta, nos fala sobre os últimos acontecimentos e o calendário para os próximos meses.

No final de abril e início de maio, os Superiores Provinciais, um Conselheiro e o Delegado de Moçambique se reuniram com o Governo Geral.

Foram dias intensos de apoio mútuo e corresponsabilidade em nossos preparativos para o GG XIX. O processo continuará agora no organização das Congregações Provinciais e a dinamização do trabalho nas comunidades locais. Acredito que aqui está o que há de mais real e concreto no próximo GC: o que vem de baixo, das bases, porque é lá que o Espírito fala, sussurra, balbucia ou grita. Será importante darmos destaque ao Espírito Santo. Queremos ser fiéis ao que Ele nos mostra e nos indica para os próximos anos, e não queremos ser surdos, mas prontos e diligentes. Vamos orar uns pelos outros com essa intenção.

Além desses assuntos, também discutimos o Juniorado Internacional em Granada, nossa presença em Moçambique e orelatório anual do Superior Geral para os Superiores Provinciais.

As cinco províncias convocaram as COPs, indicando a data e o local de início, bem como o número de membros que participarão de cada uma delas.

  • América Andina: 3 de janeiro de 2025 Cochabamba (Bolívia) 23 irmãs em assembleia
  • Ásia Oriental: 5 de dezembro/2024 Taipei (Taiwan) 29 irmãs presentes
  • Brasil-Caribe: 29 de dezembro de 2024 Belo Horizonte (Brasil) 29 irmãs presentes
  • Espanha-Itália: 28 de dezembro de 2024 Salamanca (Espanha) 39 irmãs presentes
  • Oceano Índico Pacífico: 18 de dezembro/2024 Cidade de Quezon (Filipinas) 35 irmãs reunidas

De 3 a 9 de julho deste ano, os Formadores – Postulantes (dois), Mestras de Noviças (dois) e Mestras de Junioristas (dois) – e a Equipe Internacional de Pastoral Juvenil foram chamados à Casa Cúria.

Como dissemos na convocação, o mais importante é perceber como falamos sobre os jovens, tanto aqueles a quem nos dirigimos pastoralmente quanto as jovens que estão sendo formadas para serem Filhas de Jesus. Precisamos refletir juntos, articular muitos aspectos, “sentir e saborear” a crescente diversidade da Congregação.

Em seguida, de 22 a 25 de julho , haverá uma reunião com a Comunidade Moçambicana em Roma .

Como afirmei em cartas anteriores, estamos no processo de discernir nossa presença em Moçambique e o futuro da Congregação neste amado e sofrido continente. Por isso, vi a necessidade de convocar nossas irmãs para a Casa da Cúria e para que todo o governo geral tenha uma reunião com elas. Um momento de escuta para sentirmos juntos a vontade de Deus e podermos nos abrir para novos horizontes. Nossa pergunta é: Como Deus nos quer na África?

E, de 14 a 18 de outubro, o Conselho de Assuntos Econômicos Internacionais (EAC) se reunirá em Roma.

Viagens e visitas canônicas

Ainda há quatro países nos quais ela não esteve presente nesses cinco anos. Juntamente com a preparação do CG XIX, o Superior Geral realizará essas visitas:

  • Cuba: De 9 a 15 de junho, visitarei Cuba e estarei acompanhada por Maria Teresa Pinto. Também estaremos acompanhados pela Superiora Provincial, Sônia Maria Soares.
  • Quando voltar de Cuba, ficarei na Espanha, aproveitando o fato de que o governo provincial está reunido, para compartilhar com essas irmãs. Também será uma oportunidade para diálogos pendentes com outras irmãs.
  • Continente, Tailândia e Bangladesh: Durante o mês de setembro, visitarei o Continente e a Tailândia, acompanhado por Teresa Li e Maria Teresa Pinto. Delego a visita a Bangladesh à Conselheira Thelma Barbarona, que estará acompanhada por Sônia Regina Rosa.
  • Em outubro, visitarei o Juniorato Internacional em Granada . Estarei acompanhado por Sônia Regina Rosa . Terei uma reunião com a FASFI em Madri e lá estarei acompanhada por Thelma Barbarona.

Em novembro, todos eles permanecerão em Roma para acompanhar de perto todas as questões relativas às Congregações Provinciais e os preparativos mais imediatos para o CG.

Que o Espírito, neste ano dedicado à oração em preparação para o Jubileu do próximo ano, nos ajude a permanecer nessa sinfonia de oração para a glória e o louvor de Deus e para o serviço de nossos irmãos e irmãs.

Relacionados